Zetra está no Radar FintechLab, na categoria Gestão Financeira

Notícia boa merece ser compartilhada: estamos dentro do Radar FintechLab, na categoria Gestão Financeira! Isso significa que contribuímos para um ecossistema sustentável e o desenvolvimento do Brasil!

Para nós, é motivo de orgulho promover o bem-estar financeiro a militares, servidores públicos e colaboradores de empresas privadas de todo o país há 18 anos!

Confira a matéria na íntegra!

O Brasil chegou ao final do primeiro semestre de 2018 com um total de 453 startups financeiras em operação considerando os conceitos de fintechs propriamente dita e plataformas dedicadas à eficiência financeira. O número representa um crescimento de 23% no montante que era de 369 empresas no final de 2017. A informação faz parte da mais recente versão do Radar FintechLab que acaba de ser divulgada.

O co-fundador do FintechLab, Marcelo Bradaschia chama a atenção para o aumento de iniciativas em categorias menos exploradas até pouco tempo. O Radar revela que em termos de crescimentos percentuais, os primeiros colocados em aumento de empresas foram os setores de Cryptocurrency, com 86%, passando de 15 para 28 iniciativas, Câmbio e Remessas, com 55%, saltando de 9 para 14 empresas e Seguros, com 37%, indo de 27 para 37 projetos.

“Este fator demonstra a percepção dos empreendedores sobre a maior amplitude das oportunidades no segmento. A gama de serviços realizados pelo setor financeiro é gigantesca e a tecnologia pode ajudar a solucionar muitas dores dos consumidores. A número crescente de projetos em setores considerados menos tradicionais pelas fintechs é um forte indício de que o mercado está encontrando essas oportunidades”, disse.

Em termos de número absoluto de operações em funcionamento, o setor de Pagamentos continua na liderança isolada, com 105 fintechs. Esta categoria ganhou 15 novas empresas entre dezembro de 2017 e julho de 2018. Ela representa 26% do total das fintechs brasileiras e é seguida pelas iniciativas voltadas a Gestão Financeira e Empréstimos. Ambas possuem 70 companhias cada e são responsáveis individualmente por 17% do total.

O também co-fundador do FintechLab, Fábio Gonsalez ressalta a manutenção do ritmo forte de crescimento do ecossistema brasileiro apesar da já esperada seleção natural. Segundo ele, o Radar FintechLab detectou a eliminação de 23 iniciativas que deixaram de existir desde a ultima edição do estudo no final do ano passado. Em contrapartida, foi identificada a entrada de 95 novos empreendimentos no período. “Estes números mostram que apesar do amadurecimento, que naturalmente provoca incorporações e eliminações de alguns competidores, o ecossistema brasileiro continua aquecido e assegurando uma tendência clara de crescimento quantitativo e qualitativo para os próximos anos”, conclui.

Faça o download da versão em alta resolução no site da Fintechlab

Fonte: FintechLab.

Ainda sem comentários

Publicar um comentário

AJUDA

Faça seu cadastro e receba em primeira mão todas a novidades da zetra

Fique tranquilo, a Zetra não envia seus dados a terceiros.